Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Gotas de Sol

Qui | 09.04.20

Atividade física

Menina do Mar

101.jpg

(imagem retirada da internet)

      Não gosto muito de fazer exercício físico. Por um lado pela preguiça, talvez… Por outro lado, sempre que me lembro dos 10 minutos infindáveis de corrida, no início de todas as aulas de educação física, para iniciar o aquecimento fico logo sem vontade de voltar a esforçar-me…

     Nunca gostei das aulas de educação física. Claro que havia uma modalidade ou outra que gostava de aprender e dedicava-me mais…

       No meu dia-a-dia, atualmente, antes de estar em isolamento social, eu mexia-me muito e fazia muita musculação, como eu costumava dizer, a brincar! Agarro muitas vezes os meus meninos, principalmente para a muda da fralda… Depois de um dia cansativo, chego a casa e o meu único apetite é atirar-me para cima da cama e só me levantar no outro dia de manhã.

       Ainda assim, tenho noção que o exercício também tem a função de nos libertar do cansaço, stress, ansiedade, problemas…

      Na semana passada fiz duas aulas de dança online e senti-me muito bem. Os meus dias tiveram outro rendimento e produtividade.

     Hoje acordei, tomei o pequeno-almoço e deitei-me no sofá. Começo a sentir-me cansada também pelo facto de não ter nada para fazer neste momento. Ou melhor, na verdade até tenho, mas sinto-me sem vontade para fazer… Estamos em dias chuvosos e não dá para fazer nada no quintal e a própria falta de sol me tira alguma energia.

    Estava deitada no sofá e lembrei-me que a minha irmã me tinha enviado alguns vídeos de ginástica que ela tinha visto no youtube e que ela própria também já tinha feito. Decidi ir vestir fato de treino e lançar-me à aventura!

      Comecei por fazer apenas 15 minutos. Não quero exagerar logo no início, porque não estou, de todo, habituada a fazer exercício.

       Acreditam que a minha disposição mudou durante e depois destes 15 minutos?!

      Aqui está a prova de que às vezes precisamos de nos contrariar precisamente pelo nosso bem-estar físico e emocional.

       Será que vou ter o mesmo pensamento amanhã e vou tornar isto num hábito?!

       Vou dando notícias!