Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gotas de Sol

Sab | 22.02.20

(Ainda) há pessoas - sol :)

Menina do Mar

153.png

(imagem retirada da internet)

      Cada vez mais consigo ter mais noção das pessoas que têm verdadeira importância na minha vida. Estou tão agradecida por isso… Há um trabalho interior muito grande por trás disto e não o consegui sozinha, mas finalmente há frutos a serem colhidos! Estou tão orgulhosa de mim…

       Confesso que há dias em que ainda me lembro de situações que não devia, que me magoaram e que, de certa forma, ainda têm influência no meu presente, bloqueando-me, às vezes.

     Eu tendo muito a generalizar e a levar umas situações para outras, ainda assim, estou num processo de aprendizagem que me vai libertar, tenho a certeza.

       Eu cresci muito nos últimos meses. Talvez as pessoas não o vejam, ou melhor, talvez só os mais próximos o vejam. E são esses que importam. É às mãos que se enlaçam nas minhas, todos os dias, que eu agradeço por nunca me soltarem. E sinto que cada vez tenho mais mãos a quererem segurar-me. E aceito-as. De coração aberto. Apenas preciso de perceber o coração ao qual elas pertencem. Aí as coisas complicam-se, na medida em que não tenho confiança suficiente em primeira ou segunda instância… Gosto muito de ter um dos pés atrás e de ter a certeza para poder avançar e caminhar.

      Não vejo que isso seja totalmente negativo. Para mim, cada vez mais, é importante saber e conhecer quem está ao meu lado e quer, verdadeiramente, caminhar comigo. Preciso de ter certezas. É muito importante para mim. Considero negativo apenas o facto de isso ainda me bloquear, mas estou no caminho certo. Creio que sim!

        Percebo isso, quando vejo que ainda há pessoas que conseguem ser uma lufada de ar fresco na minha vida! Aquelas que vêm revolucionar tudo pela positiva e que me vêm desconstruir no bom sentido. Aquelas que, aos 27 anos, me fazem perceber que a minha vida vai começar agora, que tudo nela faz sentido e que preciso de lhe dar sentido TODOS os dias!

 

Muito grata às minhas pessoas-sol!

Sex | 14.02.20

14 de Fevereiro

Menina do Mar

120.jpg

(imagem retirada da internet)

 

      Este podia ser um dia igual a qualquer outro, para mim, visto que não tenho motivo para o comemorar, mas não é… Talvez seja exatamente o inverso.

      Continua a ser um dia igual a qualquer outro, mas com o peso em cima dos ombros. Aquele peso que vem de uma voz que sussurra ao ouvido que será sempre mais um dia sem motivo para ser comemorado como Dia dos Namorados.

      Sou sonhadora. Muito. Vocês já o sabem… E isso torna mais difícil este dia. Todos os anos, nesta data eu me pergunto “Será que no próximo ano vou ter motivo para comemorar este dia?”, mas nunca tenho esse motivo.

       E é tão difícil…

     É difícil porque eu tenho uma ideia muito objetiva do que é ter um namorado. Para mim, não é apenas dar uma volta e dizer que tenho namorado.

     Para mim, quando imagino ter um namorado, imagino ter conforto, aconchego, segurança, ter alegria e, claro, alguns dias menos bons também existirão, certamente. Imagino conseguir dialogar. Imagino que o seu abraço seja a minha segunda casa. Aquele abraço em que os corações ficam mais próximos um do outro e conseguem falar entre eles.

      Sim, sou pirosa a esse ponto. Mas, para mim, não faz sentido ser de outra forma.

     Para mim, ter namorado é uma coisa muito séria. Sinto que é o contrário do que muita gente pensa. Para mim não é deixar andar… Para mim é ter a preocupação de como ele está, se precisa de alguma coisa, se o estou a fazer feliz, se o meu abraço também é a sua segunda casa…

      Sou demasiado lamechas, mas o amor não é ser isso mesmo?! O amor não é deixar os corações derretidos um pelo outro?!

 

      Feliz Dia de S. Valentim a todos os que me leem!

      Façam da vossa cara metade a pessoa mais feliz! Digam o quanto a amam, o quão feliz são por a terem na vossa vida e, por favor, não o façam apenas hoje! O amor celebra-se todos os dias!